O Site Comercial da nossa cidade!

Notícias da Cidade

Corupá sediará orquestra do Chile em outubro

 

O município de Corupá estará sendo sede da Orquestra Sinfônica Liceo Bicentenário Instituto Comercial, de Linares (Chile), de 07 a 10 de outubro. A vinda a Corupá faz parte de um intercâmbio firmado entre os municípios de Corupá e Linares. Além de Corupá, a Orquestra também ficará no município de Itajaí, de 10 a 14 de outubro.

 

O grupo musical é formado por 32 estudantes instrumentistas e um coral juvenil de 16 coralistas. A equipe de ensino é composta por 5 profissionais de música distribuídos em cada uma das especialidades exigidas pela orquestra.

 

Equipe de ensino:

Héctor Aillapán Peña: Professor de Metais e arranjador musical

María Yáñez Zúñiga: Professora de violino e viola

Francisco Opazo González: Professor de trompete

Francisco Viloria Cedeno: Professor de violoncelo e contrabaixo

José Medel Faúndez: Professor de madeiras e maestro

A Orquestra fará apresentações em Corupá e também em outros municípios da região:

Guaramirim: 08 de outubro

Schroeder: 09 de outubro

Corupá: 10 de outubro

 

A ideia do intercâmbio surgiu durante o 2º Encontro de Orquestras Infantis e Juvenis, organizado pelo Instituto Comercial Bicentenário de Linares – Chile. O encontro aconteceu de 4 a 10 de novembro e reuniu bandas e orquestras de países da América Latina, sendo que do Brasil, além da Jazz Band Elite, com 30 músicos, também participou a Banda Filarmônica de Itajaí, com 80 integrantes.

 

Na última terça-feira (24),  uma comitiva da cidade de Linares (Chile), formada por Eva Palma Leal, Diretora Comunitária de Educação DAEM, Jaqueline Concha Albarnoz, Diretora da Escola Bicentenária do Instituto Comercial e Wanderley Dias de Souza, Coordenador de Educação e Cultura visitou o município de Corupá e as Secretarias Municipais de Administração, Educação e Cultura, Esporte, Turismo e Lazer, Agricultura e Meio Ambiente para estudar a possibilidade de futuros intercâmbios entre as áreas dos municípios. A comitiva também visitou o município de Itajaí e São Paulo.

 

História da Orquestra Sinfônica Liceo Bicentenário Instituto Comercial, de Linares

A Orquestra é uma ideia que surgiu a partir do planejamento educacional institucional do Bicentennial Liceo Commercial, baseado em fundamentos pedagógicos, desde as contribuições da música ao desenvolvimento cognitivo, habilidades motoras e patrimônio cultural aos alunos que dela participam.

 

Sob a tutela de Jacqueline Concha Albornoz, diretora do estabelecimento, o projeto começou no início de 2015, com estudos teóricos, continuando o trabalho instrumental em março de 2016. A direção e regência da Orquestra Sinfônica é de José Medel Faúndez.

 

Os integrantes da orquestra em sua maioria são estudantes regulares do Instituto Comercial. No segundo semestre deste ano, foi aberta a possibilidade de ingresso, de estudantes de outros estabelecimentos de ensino da província de Linares.

 

Durante o ano de 2016, performances musicais em cerimônias e festividades do campo educacional e performances de apoio à comunidade se destacaram em suas atividades habituais. Nesse mesmo ano, a orquestra preparou um repertório em conjunto com a Banda Instrumental da Escola Politécnica da cidade de San Carlos, encenando este trabalho no Teatro Municipal de Linares e no Anfiteatro da cidade de São Carlos.

Desde 2017 até a atualidade, a orquestra continua com apresentações musicais, incorporando obras de maior grau de complexidade em seu repertório. No campo da projeção musical, desde 2017, foi criada uma instância de participação com orquestras de outras cidades do país, proporcionando encontros de crianças e jovens, cujo objetivo geral é fortalecer o desenvolvimento musical de alunos pertencentes a diferentes orquestras sinfônicas.

 

A orquestra objetiva também oferecer concertos em massa de música universal e folclórica, gerar instâncias de reaproximação da música executada pelas diferentes orquestras sinfônicas estudantis, fortalecer os vínculos por meio da coexistência saudável entre estudantes que cultivam arte musical como uma alternativa real ao uso de seu tempo livre e trocar experiências musicais, tanto em aspectos teóricos quanto em técnicas de execução.

 

Durante o ano de 2018, um projeto da Big Band é incorporado a esse grupo musical, o que lhe permitiu cultivar música popular séria, concedendo novas alternativas musicais aos seus alunos.

 

Durante este ano de 2019, a Orquestra Sinfônica da Juventude está trabalhando na organização do Terceiro Encontro de Orquestras Infantis e Juvenis, já de caráter internacional, incorporando a isso orquestras do Brasil, Argentina e extremo sul do nosso país.

 

Da mesma forma, está sendo feito um trabalho para preparar o primeiro concerto estudantil em homenagem à falecida folclorista nacional Margot Loyola Palacios,  no Anfiteatro Municipal da cidade de San Carlos.

 

 

fonte: Prefeitura de Corupá


Comente








Notícias da Cidade